29 de junho: dia de São Pedro

estandarte-sao-pedro-santo-junino

 

E hoje, 29 de junho, o ciclo junino se completa com festas em homenagem a São Pedro. Ainda temos muitas festas juninas espalhadas pelo Brasil. As festas são tão intensas que avançam o mês de julho: são as festas julinas.

A história de Pedro, o discípulo de Jesus Cristo, está registrada no Novo Testamento. Era um pescador no mar da Galiléia junto com seu irmão de André, e foram chamados por Cristo para tornar-se “pescador de homens”. Seu nome original era Simão, mas Jesus deu-lhe o título de Kephas, que, em língua aramaica, significa “pedra”, e cujo equivalente grego tornou-se Pedro. Conta-se que o nome teria se originado quando Simão declarou: “Tu és Cristo, o filho de Deus vivo”, ao que Jesus respondeu “Tu és Pedro e sobre essa Pedra edificarei minha Igreja”, entregando-lhe as “chaves do reino do Céu” e o poder de “ligar e desligar”. Os evangelhos bíblicos mostram em muitas passagens, a posição de destaque ocupada por Pedro dentre os discípulos. No entanto, mesmo assegurando que jamais trairia Cristo, negou conhecê-lo por três vezes, quando seu mestre foi preso.  Conta-se a tradição, que não está relatada explicitamente no Novo Testamento,  que Pedro teria sido crucificado em Roma. O fato tem sido muito questionado, mas as pesquisas arqueológicas têm contribuído para confirmar a tradição, deixando claro que Pedro foi martirizado pelo imperador Nero.   Diz-se que Pedro pediu para ser crucificado de cabeça para baixo, para não igualar-se a Jesus. No local onde foi sepultado, segundo a tradição, ergueu-se a basílica do Vaticano, mas as escavações feitas no local não são conclusivas quanto ao fato de ali ser ou não o túmulo do santo.

Para comemorar o santo junino, compartilho  de algumas andanças pela rede, onde fui buscar referências artísticas, como esta pintura de Pietro di Cristoforo Vanucci:

as chaves para são pedro

Pietro di Cristoforo Vanucci, ou Pietro Perugino, (1450-1523) foi um pintor da Alta Renascença italiana. Em 1480, foi para Roma, trabalhar nos afrescos da Capela Sistina, e uma de suas pinturas é esta: “A Entrega das Chaves a São Pedro”.

Abaixo a pintura de Peter Paul Rubens

São Pedro por peter-paul-rubens

Peter Paul Rubens  nasceu na cidade de Siegen (Alemanha) em 28 de junho de 1577 e  morreu na cidade de Antuérpia (Bélgica) em 30 de maio de 1640. Foi um importante pintor barroco flamengo do século XVII. É considerado por muitos historiadores da arte como um dos principais pintores do barroco europeu. Também atuou como diplomata nas negociações de paz entre Espanha e Inglaterra.

É com essas expressões da Arte que faço e registro aqui minhas homenagens a São Pedro!

Viva, São Pedro!

 

Anúncios

Tags: , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: